Jogos de tabuleiro como ferramentas de ensino de ciência cidadã

A Ciência Cidadã permite a participação ativa de não cientistas no desenvolvimento científico, coleta e análise de dados. Desta forma, a união de voluntários engajados na resolução de problemas sócio-ambientais, políticos e econômicos incentiva a participação popular no compartilhamento de conhecimento e divulgação dos resultados obtidos, bem como na criação e/ou divulgação de materiais como ferramentas para fixação de conteúdo. Por conta disso, o Portal Ecologia e Saúde selecionou uma série de materiais de livre acesso para serem divulgados e utilizados em prol do fortalecimento da Ciência Cidadã e do combate às doenças transmitidas pelo mosquito Aedes aegypti em espaço escolar e fora dele.


JOGOS DE TABULEIRO

1) Dive (2016) – jogo de tabuleiro sobre atitudes em relação aos criadouros de Aedes, com algumas informações sobre ciclo de vida.

Descrição: - 4º ao 6º ano.

Participantes: 2 a 4 jogadores.

Disciplinas: Ciências, Língua Portuguesa, Matemática, Geografia, Educação Física. Competências: Conhecer o processo de transmissão do vírus e as medidas de proteção necessárias para a prevenção das doenças associadas a ele; Utilizar as propriedades básicas da matemática como ferramenta estratégia de resolução de problemas; Compreender as diferentes representações de um objeto num plano; Localizar informações no texto; Ler e compreender texto instrutivos de regras de jogos, dentre outros gêneros da vida cotidiana; Analisar as interações ecológicas entre as relações sociedade x natureza.

Corrida contra o Aedes aegypti é um jogo de tabuleiro com informações bastante didáticas a respeito dos focos de proliferação do mosquito transmissor da dengue. Ao longo do tabuleiro o jogador passa por criadouros em potencial e avança ou retrocede de acordo com a atitude realizada para eliminação ou não do foco de proliferação do mosquito. Vence quem cruzar primeiro a linha de chegada. http://www.dive.sc.gov.br/conteudos/zoonoses/campanhas/JogoTabuleiroDengue45x30_R eduzido.pdf.


2) Jogo da Dengue – Multirio (2015)

Descrição: 4º ao 9º ano e Ensino Médio

Participantes: 2 a 5 jogadores.

Disciplinas: Ciências, Língua Portuguesa, Matemática, Geografia, Educação Física. Competências: Aguçar a habilidade investigativa; Desenvolver estratégias de planejamento; Desenvolver noções estratégicas para solução de problemas locais; Interpretar dados e informações apresentadas num plano (mapas, tabuleiros, tabelas, planilhas, etc.); Conhecer o processo de transmissão do vírus e as medidas de proteção necessárias para a prevenção das doenças associadas a ele; Interpretar as condições de saúde pública local, regional e nacional.

O objetivo é erradicar os focos de proliferação presentes no tabuleiro e impedir que os personagens sejam picados e/ou fiquem doentes. O mais interessante deste material é que ele é acompanhado por cartas de tarefas, perguntas e proteção que dão ao aluno o engajamento da resolução de problemas de saúde pública que fazem parte do seu cotidiano. Este é um jogo apresentado em duas modalidades: simples e estratégica. A primeira destinada a um público-alvo de faixa etária entre 6 e 10 anos, enquanto que a segunda assume a partir dos 11 anos, podendo ser aplicado inclusive ao Ensino Médio. http://multirio.rio.rj.gov.br/index.php/interaja/jogos-educativos/artigos-de-jogos/8485-jogo-da-dengue.


Referências Bibliográficas


http://www.dive.sc.gov.br/conteudos/zoonoses/campanhas/JogoTabuleiroDengue45x30_R eduzido.pdf. Acesso em Outubro de 2020.


http://multirio.rio.rj.gov.br/index.php/interaja/jogos-educativos/artigos-de-jogos/8485-jogo-da-dengue. Acesso em Outubro de 2020.


0 comentário

para dúvidas ou sugestões, entre em contato conosco!